[Resenha] 9 Marcas de Uma Igreja Saudável – Mark Dever

9 marcas de uma igreja saudável

Título: 9 Marcas de Uma Igreja Saudável

Autor: Mark Dever

Editora: Fiel

Ano: 2007

Páginas: 312

O que constitui uma igreja saudável?

Uma grande congregação?

Estacionamento suficiente? Música vibrante?

Talvez você já leu obras sobre este assunto – mas não como esta. Nove Marcas de uma Igreja Saudável não é um manual de instrução para o crescimento de igrejas. É a recomendação de um pastor a respeito de como avaliar a saúde de sua igreja, usando nove qualidades negligenciadas por muitas das igrejas contemporâneas. Quer você seja líder, quer seja um membro envolvido no ministério de sua igreja, você pode cultivar essas qualidades em sua igreja, trazendo-lhe vida e nova saúde, para a glória de Deus.

O livro, que conheci na Conferência Fiel 2016, é uma leitura relativamente rápida. O título, em forma de lista, provavelmente remete o leitor a uma ideia de que o livro seja mais um daqueles manuais de como conseguir determinado resultado rapidamente. Entretanto, longe de ser um manual de estratégias e dicas de como colocar em prática um determinado modelo de igreja, a obra tem um enfoque totalmente diferente.

Mark Dever juntou, neste livro, reflexões e sermões pregados ao longo dos anos a respeito deste tema e, por isso, a leitura flui e se desenvolve como se estivéssemos ouvindo-o falar. Quem já assistiu alguma de suas palestras, ao vivo ou pelo YouTube, sabe que a clareza em expor suas ideias é uma marca de Mark Dever. Não é diferente com seu livro. Com frases curtas e objetivas, vocabulário simples e divisões dentro dos capítulos, chega-se diretamente ao ponto que se quer abordar e o leitor sente que seu tempo foi muito bem aproveitado.

Como bem destaca o autor em sua obra, o livro não busca esgotar o tema nas nove marcas, mas sim analisar estes nove aspectos que ele identificou como essenciais para que a saúde da igreja. Em cada um dos capítulos são exploradas estas características, demonstrando tanto a situação de uma igreja onde elas não estão presentes e fazendo o contraponto com exemplos em que podem ser reconhecidas. Além de exemplos práticos, o livro todo traz os fundamentos bíblicos para o que argumenta, descrevendo, várias vezes, o texto literal no corpo do livro, o que facilita bastante a leitura.

É um livro que serve muito bem tanto para quem está à frente de uma igreja quanto para quem quer, seja qual for a área de atuação, colaborar para sua melhora e crescimento, quanto para aqueles que pretendem identificar o nível de saúde do lugar onde estão. O livro traz alguns conselhos práticos sobre como atuar em algumas situações, mas o foco é em levar o leitor a refletir sobre cada um dos temas e buscar, dentro de seu contexto local, a melhor forma de colaborar com o corpo.

Foi o primeiro do Mark Dever que li e gostei muito. Em breve devo resenhar outro livro dele que estou lendo. Recomendo muito! Se você leu, vou gostar de saber o que você achou. Comente!